cachorro comer chocolate

Meu cachorro pode comer chocolate?

Tempo de leitura 5 minutos

 

Ahhh o chocolate, doce maravilhoso, tem ao leite, meio amargo, 70%, sem açúcar, recheado… uma infinidade de sabores e opções de consumo.

E como várias coisas que você come, você certamente já passou pela situação de estar saboreando um delicioso chocolate e sentir alguém te observando… adivinha quem?

Ele mesmo, seu cachorro, com aqueles olhinhos fofos de quem não come a uns 10 dias e só precisaria de um pedacinho de chocolate para ser o cachorro mais feliz do mundo.

Eai, será que o seu cachorro pode comer chocolate?

Sendo direto? A resposta é não. Mas vamos conferir esse artigo para saber porque o chocolate pode fazer tão mal da saúde do seu cachorro – sendo até letal!

Primeiro, você sabe do que é composto o chocolate?

chocolate-cachorro-intoxicacao

chocolate pode causar intoxicação

Resumidamente, uma barra de chocolate é composta por carboidratos aminas biogênicas, neuropeptídeos, cafeína e teobromina.

Ta, idai?

A teobramina, encontrada em grande quantidade, principalmente no chocolate amargo é altamente lipossolúvel (queeee??), isso significa que ela é absorvida com facilidade pelo organismo do cachorro, espalhando-se rapidamente até chegar ao sistema nervoso central.

E porque o chocolate faz mal para o cachorro?

O problema é que, a substância, diferente do que ocorre nos seres humanos, não é bem digerida pelos nossos amigos caninos, o que pode levar a intoxicação, fazendo mal para a saúde do seu cachorro.

OU SEJA, não pode comer nenhum pouquinho, ok?

Quanto mais escuro for o chocolate, maior será o risco de intoxicação!

Quais são os sintomas de intoxicação quando o cachorro come chocolate?

cachorro intoxicado

Os sintomas do seu cachorro ao comer chocolate podem ser duradouros.

O consumo de chocolate pelo seu cão pode provocar:

  • crises alérgicas;
  • aumento da pressão arterial;
  • Taquicardia;
  • Arritmia;
  • tremores e convulsões;
  • Febre;
  • Diarréia;
  • Vômito;
  • Excitação e respiração acelerada, dentre outros.

Dependendo do porte do seu animal e da quantidade ingerida, ele pode entrar em coma e até mesmo morrer ao comer chocolate.

Essas reações podem surgir de maneira isolada ou conjuntamente dentro de 6 a 12 horas após a ingestão da substância.

E se comer só um pouquinho, ainda faz mal?

Simmmmmmmm. Vamos aos números?!

A dose considerada letal é de 250 a 500mg por quilo, e a variação se dá de acordo com o porte físico do animal, a sensibilidade do animal à teobromina e também com o tipo de chocolate que é ingerido.

Logo, mesmo um pedacinho, pode ser letal!

E mais, a teobromina pode permanecer no organismo cerca de 6 dias após ser ingerida, pois ela é excretada pelo fígado e não pelos rins.

Isso significa que dar um pouquinho de chocolate para seu cão comer em dias ou horários alternados também pode levar a intoxicação.

Meu cachorro comeu chocolate, e agora?

Se isso ocorrer, seja sem querer ou por um “furtinho” básico (quando seu cachorro come sem você ver), tome as seguintes providências:

  • Retire o chocolate do local;
  • Mantenha seu pet em uma área ventilada;
  • Guarde o resto de chocolate para mostrar ao veterinário;
  • Leve ele ao veterinário o mais rápido possível;

No veterinário, dê o máximo de informação sobre o ocorrido, como a quantidade ingerida e a hora.

Jamais induza seu cachorro ao vômito ou ofereça a ele remédios caseiros, isso pode piorar a situação.

Como é feito o tratamento para intoxicação?

Assim como para nós, humanos, não é um medicamento específico para curar uma intoxicação.

O seu médico veterinário de confiança possivelmente irá agir conforme o quadro clínico do seu pet, tratando os sintomas que surgirem e buscando diminuir eventuais complicações.

Tratamento

Dentre as opções comuns está o uso do carvão ativado para diminuir os efeitos da intoxicação, a indução ao vômito e a lavagem gástrica, essa última é feita cerca 3 horas após a intoxicação e, comumente, quando não foi possível induzir ao vômito.

Exames

Dentre os exames, possivelmente será feito o monitoramento da pressão arterial e o eletrocardiograma.

Medicamentos

Além disso, podem ser recomendados medicamentos para o controle de convulsão e de arritmias.

Chocolate para cachorro

chocolate para cachorro

No mercado pet existem vários petiscos para seu cachorro

Atualmente, no mercado pet, há diversos chocolates feitos especialmente para cachorro comer. Eles costumam até ter um cheirinho de chocolate mesmo, dá vontade de comer!

Esses produtos não são tóxicos para os cachorros, pois são feitos com a alfarroba, fruto rico em vitaminas e minerais.

Seu cachorro já consumiu chocolate e teve intoxicação? Deixe um comentário contando o que você passou e o que fez nessa situação, assim você pode ajudar outros tutores e seus pets!